Arianos

Ariano, termo derivado do sânscrito, arya, “nobre” tem vários significados. A palavra foi usada primeiramente pelos antigos indianos para chamar a si próprios e para se referir à classe nobre, bem como à região geográfica conhecida como Āryāvarta, onde a cultura indo-ariana se baseava. Povos iranianos antigos também usaram o termo como uma designação étnica para si próprios e a palavra deu origem ao nome do país Irã.

No século XIX, o termo o termo ariano era utilizado por todos os povos indo-europeus, uma teoria que foi abandonado. Com base em antigos textos indianos mal interpretados, estudiosos ocidentais adotaram o termo ariano para chamar uma suposta raça de pessoas loiras e olhos claros que teria migrado da Índia e fundado todas as grandes civilizações, até serem “degeneradas” pela mistura racial com as populações locais. Tais ideias influenciaram a ideologia racial nazista, apresentando os “povos arianos” como superiores a outros grupos raciais.

A teoria de raça ariana superior é considerada hoje sem qualquer fundamento científico. Ariano não designa nenhum povo em partícula e nem mesmo é uma raça. Os especialistas evitam o termo ariano que foi substituído, na maioria dos casos, por “indo-iraniano” e só é usado no contexto das línguas indo-arianas.

Compartilhe =]

Compartilhar no Facebook Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Pocket Compartilhar no Twitter Compartilhar no LinkedIn