Nação, Estado-nação

A palavra nação, derivada do latim natio, “povo”, “origem” ou “nascimento”, era, originalmente, uma comunidade de pessoas nascidas no mesmo lugar. O termo designa, hoje, o grupo de pessoas que, por vontade própria, compartilha um território e características comuns como língua, tradições, costumes e origem. Essa comunidade tem, portanto, uma identidade étnica, linguística, religiosa e reconhece a existência de um passado e tradições culturais comuns.

A ideia de nação está intimamente ligada à de Estado. O Estado é a entidade política e geopolítica que governa e administrativo a nação. As ideias de nação e Estado estão tão interligadas que deram origem a um outro conceito, o de Estado-nação. O Estado-nação afirma-se como a entidade que impõe uma soberania sobre um povo, em um determinado território com fronteiras reconhecidas, com uma moeda própria e forças armadas próprias.

Um Estado pode abranger várias nações. Foi o caso do Império Austro-Húngaro e do atual Reino Unido onde ingleses, galeses, escoceses e irlandeses do Norte são de nacionalidades diferentes.

Uma nação pode abranger várias etnias como é o caso da Turquia composta por diferentes grupos étnicos: turcomanos, gregos, armênios, albaneses, árabes, bósnios, curdos, ciganos siríacos etc.

Uma nação pode não se constituir como Estado, como é o caso da Catalunha, uma comunidade autônoma na Espanha, considerada uma nacionalidade, mas sem soberania pois está submetida ao Estado espanhol.

Esses exemplos mostram que o Estado-nação nem sempre é uma entidade homogênea e que seu grupo dominante centraliza o poder, elege uma língua nacional, impõe seus valores e cultura por considera-los os verdadeiramente “nacionais”, excluindo as outras culturas existentes no seu território. Foi o caso dos Estados Unidos e do Brasil independentes que, durante o século XIX e XX excluíram indígenas e negros como membros da nação.

Compartilhe =]

Compartilhar no Facebook Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Pocket Compartilhar no Twitter Compartilhar no LinkedIn