Prego, castigo do

Castigo imposto aos escravos, especialmente em fazendas do Nordeste. O senhor pregava a orelha do escravo num portal e, após cuspir no chão, chamava-o, determinando que viesse à sua presença antes que a cusparada secasse. Na ânsia de atender a tal chamado, pois muito pior seria se ele não o fizesse, o cativo corria, deixando um pedaço da orelha no portal.

Fonte

  • MOURA, Clóvis. Dicionário da escravidão negra no Brasil. São Paulo: Edusp, 2004, p. 323.

 

Compartilhe =]

Compartilhar no Facebook Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Pocket Compartilhar no Twitter Compartilhar no LinkedIn